Lilypie Fifth Birthday tickers

Lilypie Fifth Birthday tickers

Wednesday, April 1, 2009

Panda

Temos o Panda há 13 anos. Foi apanhado na rua tinha 15 dias de vida e parecia um ursinho preto e branco e o meu irmão na altura com 5 anos começou a chamá-lo panda e Panda ficou.
Sempre foi um cão muito meiguinho e "maluco". Sempre adorou brincadeira, passear e comer seja o que for.
Fico feliz porque a Laura ainda o conheceu e ainda brincou com ele e adora-o.
Há 3 dias que o cão não está bem, tem vindo a ficar cada vez pior. Chora muito, tem dificuldades de locomoção e não quer comer. Fomos ás urgências veterinárias e fizeram radiografias e uma ecografia e o cão em principio tem um tumor. Anda desde 2ª feira a tomar doses enormes de analgésicos e as melhorias têm sido muito poucas. O veterinário disse que se até hoje o cão não melhorasse teriamos de tomar uma decisão porque o cão está em sofrimento.
Ele não melhorou e apesar de ter tomado 3 injecções ontem á noite ás 3 da manhã já chorava com dores. Hoje vou ter de tomar a pior decisão, a decisão mais dificil da minha vida.
É um cão mas é o meu cão, o meu companheiro de brincadeira, o meu amigo.
Hoje é um dia muito triste para mim, o meu coração está partido.

9 comments:

Mamã Pirata said...

Kel partilho da tua dor.À 4 anos tras tive que fazer o mesmo .Mas sabes ...eu pensei assim .SE Ela está a sofrer e sempre teve uma vida feliz pq prolongar o seu sofrimento só pq a quero cmg.
N vou ser egoista ...
...chorei mto e ainda choro de saudade .mas sei que lhe dei uma vida feliz e fiz tudo pra salvar mas nem a operação foi de sucesso.

...fala cm o veterinário e faz o melhor pra ele.N deixes k ele sofra.

bjs solidários.

PatLeal said...

Entendo-te bem, já tivemos que tomar essa decisão duas vezes, tive o meu branquinho que morreu no hospital e a bem pouco tempo tb tive outra tragedia...como sabes...

Entendo-te, mas se calhar é melhor para ele Miga, está a sofrer.

Mta força linda.

Jocas

MyStar's said...

Imagino o que tas a passar e nem sequer me quero por no teu lugar porque eu não sei se conseguiria tomar a decisão, mas afinal podemos atenuar uma dor:(

Olha nem sei mais o que te diga...

Bjinhos

Sandra e Afonso said...

Que situação Kel...

Nem sei que dizer... estas coisas mexem bastante comigo.

Beijo grande para ti!

Beijo, beijo, beijo

Sandra e Afonso
www.bebeafonsinho.blogspot.com

© Tété £ Xavier said...

Bolas… lamento MUITO!
Quanto à difícil decisão, apesar do Panda ser o TEU cão certamente não queres que ele sofra e isso irá reconfortar-te o coração… saber que ele não irá sofrer mais. Força!
Beijos
Tété & Xavier

Anocas said...

Raquel, até o meu coração partiste... Eu sou uma defensora feroz dos animais, sempre, toda a vida tive animais, cães, gatos, hamesters, chinchilas, coelhos, tartarugas, peixes, papagaios, tudo e mais alguma coisa...

Actualmente só temos o Pocoyo, o nosso coelho, mas sofro imenso qd eles tb sofrem e já adoptei muitos animais q salvei da morte, acidentados na rua. Infelizmente c 2 crianças e num apartamento, agora já não posso fazer isso...

Uma decisão dessas é mto difícil de tomar, mas se tem q ser... :'(

Uma parte de ti irá c ele de certeza... Mas se n há outro caminho e ele sofre... :'(

Tenho imensa pena...

Bejinhos Bárbara, Guga & Kika

Violeta said...

Ohhh amiga... que triste... Se precisares, cá estou. De resto nada mais te posso dizer. É um animal, mas doi na mesma. Importante é que ele sofra o mínimo possível.
Bj

Adriana said...

Que decisão tão dificil.
Mas neste momento tens de tomar a melhor decisão, embora te custe muito, e nã odeixá-lo sofrer.
Gostei mt de vos visitar!
Bj ;)Bom fim de semana
Força!!

Mamã da Tartulhinha said...

Lamento mesmo muito, sei o que é passar por isso, em tempos, ainda solteira e nos meus pais, tinhamos um pastor alemão lindo de morrer que estava connosco desde bebé, um dia foi atropelado e nunca chegou a recuperar, morreu por negligência de um veterinário parvalhão, fizemos tudo o que estava ao nosso alcançe para o salvar e morreu-nos nos braços, foi horrivel, o meu pai chegou mesmo a andar muito em baixo.
Apesar da vossa situação ser diferente, tem sempre o mesmo objectivo, pretendemos o melhor para os nossos "bichos". É uma decisão difícil mas assim deixará de sofrer.

Beijocas nossas, FORÇA.